Notícias do Sindimoc

Luta do Sindimoc e trabalhadores por mais segurança garante redução de 44% no número de arrastões

Curitiba, 16 de novembro de 2017 | 16h44

Imprimir   Enviar por e-mail

Graças à incisiva atuação do Sindimoc por mais segurança para os trabalhadores, a instalação de câmeras de segurança em alguns veículos (mesmo que ainda em teste) já coibiu a ação de assaltantes. O número médio de arrastões diminuiu em 44%, de 45 mensal entre os três primeiros meses de 2017, para cerca de 25 entre agosto e outubro. 
 
A redução mostra como a luta dos trabalhadores é fundamental para mais segurança no trabalho. Nossa ação já é de anos, mas desde 22 de julho, data em que, durante arrastão, o motorista Edmilton José de Melo foi brutalmente assassinado, as ações se multiplicaram.
 
Paralisações, passeatas e manifestações de diversas formas organizadas pelo Sindimoc ocuparam espaço na mídia e ganharam o apoio dos usuários, que também sofrem diariamente com a insegurança. 
 
Depois de muitas reuniões ao lado da Comec, Urbs e todos os órgãos de segurança municipais e estaduais, o trabalhador começou a ser ouvido. O aumento do policiamento nas ruas e a instalação inicial de câmeras em alguns carros (como teste a ser implementado posteriormente) possibilitou mais segurança para quem trabalha e utiliza o transporte coletivo. 
 
Agora, o trabalho do Sindimoc é lutar para que efetivamente sejam implementadas as câmeras de segurança em todos os veículos de Curitiba e Região Metropolitana. 
 

Galeria de imagens da notícia

Compartilhe esta notícia
   
 

Comente esta notícia

Nome

E-mail

Empresa

Digite o código ao lado

código captcha

Comentário (máximo 600 caracteres) | Restam: